E.T.: O EXTRATERRESTRE (CRÍTICA)

055_00

SINOPSE
Elliott está tranquilo em sua casa quando é surpreendido por um extraterrestre de feições muito curiosas. O garoto toma um grande susto, mas logo percebe que aquela criatura era totalmente inofensiva. Os dois então desenvolvem uma grande amizade e, descobrem que a distâncias interestelares não são o suficiente para nos fazer tão diferentes. O menino então resolve escondê-lo dentro de casa para protegê-lo, mas o que ele não imaginava, é que as pessoas descobririam, e tornariam um caos a passagem daquele gentil alienígena pelo planeta Terra.

055_01

EXPERIÊNCIA PESSOAL
Existe algum filme que você considere o de mais importância na sua vida? Não necessariamente o que você ache melhor por ter enumerado uma dúzia de motivos, mas que simplesmente ficou marcado na sua história. Pra mim esta é a obra que cumpre esse papel. Sendo uma lembrança fiel à realidade ou não, eu me recordo nitidamente do dia em que meu padrinho chegou na minha casa trazendo o VHS de E.T.: O Extraterrestre para nós assistirmos. Imagino que eu devia ter uns seis anos. Tínhamos recém adquirido uma TV colorida da Telefunken e uma videocassete da CCE. Tecnologia de ponta! Eu não fazia ideia de que filme era aquele ou de qualquer outra opção que existia, diferente de hoje, as crianças daquela época não nasceram com um smartphone na mão e a infinidade do YouTube Kids disponível. Até aquele momento para mim só existiam duas opções, o canal do Bozo ou o canal da Xuxa.

055_02

Lembro de ser noite, e imagino que por volta das vinte horas, já que era o habitual do meu pai chegar em casa. E nesse dia meu padrinho, sua esposa, e meu pai, chegaram juntos da rua. Então todos nos amontoamos naquela pequena sala para podermos assistir. A experiência pela ótica de uma criança ainda inocente, vendo uma história tão rica em conceitos morais, ecoou no meu cérebro por toda a vida. As pessoas geralmente temem a ideia de se deparar com um extraterrestre, mas eu conservei a proposta do ET bonzinho daquele filme. Então se um dia eu der de cara com qualquer alienígena (creio eu que ainda não tenha acontecido), eu com certeza vou convidar para um café.

055_03

“Este não é simplesmente um bom filme. É um daqueles filmes que afastam nossas advertências e conquistam nossos corações” – Roger Ebert, crítico de cinema

Tempos depois Ebert adicionou E.T.: O Extraterrestre a sua lista de melhores filmes, estruturando o ensaio como uma carta aos seus netos sobre a primeira vez que eles assistiram. (Fonte: Wikipedia)

COMENTÁRIOS
Nesse ponto há bem pouco a se falar. E.T.: O Extraterrestre é fruto da década de oitenta, um período inspiradíssimo para Steven Spielberg. Indiana Jones e os Caçadores da Arca Perdida, Poltergeist, Gremlins, De Volta para o Futuro, A Cor Púrpura, Goonies, são só algumas das obras primas que consagraram esse gênio do cinema por quem eu tenho tanta admiração.

055_04

Se tratando dos aspectos técnicos, podemos dizer que é uma produção coesa do começo ao fim. Traz bons efeitos especiais, atuações adultas e mirins indiscutíveis, um roteiro conservador muito eficiente, e o principal, pelo menos para mim, uma das trilhas sonoras mais fantásticas de todos os tempos! Spielberg sozinho já era um cineasta incrível, mas junto de John Williams eles se tornaram lendas! As composições originais para o filme são incríveis viagens sobrenaturais, que fazendo os uso de harpas, violinos, pianos, celestas e percussões, nos transportam para um mundo inesquecível de fantasia. Essa é um das poucas produções que conheço que as opiniões são unânimes quanto sua qualidade. Hoje E.T.: O Extraterrestre é eternizado como um dos melhores filmes de todos os tempos!

055_05

ELENCO E FICHA TÉCNICA
Dee Wallace, Henry Thomas, Peter Coyote, Robert MacNaughton, Drew Barrymore, Pat Welsh (voz do E.T.), K. C. Martel, Sean Frye, C. Thomas Howell e Erika Eleniak. E.T.: O Extraterrestre é uma produção de 1982 dirigido pelo renomado diretor Steven Spielberg, que também fez parceria na produção com Kathleen Kennedy. Seu orçamento fora de míseros 10,5 milhões de dólares, se comparado à sua receita de quase 793 milhões! Nosso amigo extraterrestre surgiu como um furacão, desbancando até mesmo Star Wars, e se tornando na época o filme de maior bilheteria de todos os tempos! Sendo superado apenas em 1993, com outro trabalho de Steven Spielberg, com Jurassic Park.

055_06

REPERCUSSÃO E PREMIAÇÕES
Indicado para nove estatuetas do Óscar durante a quinquagésima quinta cerimônia, em 1983, foi apontado como favorito para o Prêmio de Melhor Filme, mas perdeu para o indo-britânico-estadunidense Ghandi (1982). No entanto venceu em quatro categorias, Trilha Sonora, Melhor Mixagem de Som, Melhor Edição de Som e Melhores Efeitos Especiais. Também recebeu o Prêmio Saturno nas categorias Melhor Filme de Ficção Científica, Melhor Roteiro, Melhor Efeitos Especiais, Melhor Música e Melhor Arte de Cartaz, enquanto Henry Thomas, Robert McNaughton e Drew Barrymore receberam o Young Artist Awards. Pela trilha sonora John Willams recebeu o Globo de Ouro, Prêmio Saturno, dois Prêmios Grammy, e um BAFTA. Ganhou os prêmios de melhor filme estrangeiro no Blue Ribbon Awards do Japão, Cinema Writers Circle Awards da Espanha, César Awards da França e David di Donatello da Itália. Fora muitos outros prêmios menores da crítica especializada em cinema. E.T.: O Extraterrestre é apontado como um dos filmes mais importantes da história, e até hoje detém não apenas milhões, mas bilhões de fãs por todo mundo!

055_07

CONCLUSÃO
Uma obra de arte que nenhuma explicação se faz boa o suficiente para mensurar sua tamanha grandeza. Conceito sem precedentes e que até hoje não tem nada com proposta parecida tão bem executada. E.T.: O Extraterrestre é um trabalho formidável vindo de uma das mentes mais brilhantes existentes na Terra, Steven Spielberg. Um filme fantástico que não é apontado para nenhuma idade específica, então seja você uma pequena criança ou um adulto brucutu, te desafio a não se emocionar com essa lindíssima história de um etezinho bondoso que um dia passou por esse indigno planeta. Tem filhos pequenos e ainda não mostrou esse E.T. para eles? Está esperando o que então, essa é sua obrigação como pai ou mãe, de dar um dos melhores presentes da vida para suas crianças!

Barra Divisória

assinatura_dan

COMBUSTÃO HUMANA ESPONTÂNEA (MISTÉRIO)

031_00

AVISO! CONTEÚDO SENSÍVEL! Se você for uma pessoa que se impressiona com facilidade, não acompanhe esse artigo, algumas imagens podem ser chocantes!
Você já ouviu falar sobre combustão humana espontânea? Imagine o quanto estranho seria o seu corpo simplesmente começar a queimar de uma hora pra outra, alcançando uma temperatura tão alta onde sobrariam apenas cinzas. E o mais estranho, geralmente não afetando praticamente nada ao redor. Embora raro, esse fenômeno é verdadeiro e motivo de intriga entre a comunidade científica. Então fique comigo porque vou te contar cinco episódios onde esse misterioso fenômeno tragicamente tirou a vida de pessoas como se o fogo tivesse vindo do interior de seus corpos.

031_01

PRIMEIRO CASO – HENRY THOMAS
Em 1980 na cidade de Ebbw Vale, sul do País de Gales, Reino Unido, um senhor de 73 anos foi encontrado carbonizado na sala de sua casa. Todo seu corpo foi incinerado, sobrando apenas seu crânio e parte das pernas abaixo do joelho, e curiosamente as meias e calça se mantiveram intactas nesta região. A metade da cadeira onde repousava também foi destruída. O laudo pericial atribui a fatalidade ao efeito pavio. A morte foi classificada formalmente como morte por incêndio. Mais a frente farei as considerações explicarei do que se trata tal efeito.

031_02

SEGUNDO CASO – JEANNIE SAFFIN
Existem muitos casos de combustão espontânea, mas poucos onde houvesse uma testemunha. Esse caso ocorreu em 1982, Londres, quando Jeannie Saffin, uma mulher de 61 anos com problemas mentais estava sentada com seu pai de 82. O senhor desviou o olhar da filha e percebeu na visão periférica um raio de luz. Quando se deu conta Jeannie estava coberta em fogo e mesmo assim imóvel. Ele se esforçou para tentar apagar as chamas, mas não conseguiu conter as graves queimaduras de terceiro grau na parte superior do corpo. A mulher ainda foi hospitalizada, porém uma semana depois não resistiu aos graves ferimentos.

031_03

TERCEIRO CASO – YOUNG SIK KIM
Esse caso aconteceu em Honolulu no Havaí, no ano de 1956. Young Sik Kim era um homem de 78 anos com paralisia da cintura para baixo, e portanto vivia em uma cadeira de rodas. Certo dia, de repente, começaram a emanar chamas azuis de seu estômago, e espalharam-se rapidamente por todo o restante do seu corpo. Sua vizinha, Virginia Cadet, ainda tentou correr para ajudá-lo, mas as chamas eram muito intensas. Ligou para o corpo de bombeiros, que levaram 15 minutos para chegar ao local. Chegando restavam apenas os pés inteiros, todo o restante de seu corpo virou cinzas. Ficaram perplexos ao ver que roupas, móveis de madeira e os livros que estavam perto não foram afetados.

031_04

QUARTO CASO – FRANK BAKER
Se preparando para ir pescar com o amigo Pete Willey, Frank Baker, um veterano americano de guerra, explodiu em chamas enquanto estava sentado no sofá de casa em 1985. Willey interviu conseguindo abafar o fogo, tendo salvo Baker da situação. Embora muito abalado, os ferimentos não chegaram a ser tão graves, e procurando ajuda médica ouviu dos profissionais que não conseguiam entender direito o que poderia ter ocorrido, mas que o fogo havia realmente começado de dentro para fora. O caso repercutiu na mídia, e Baker foi convidado para o programa de TV “The Unexplained Files“. Lá ele contou o incidente e revelou um segundo episódio, onde de novo tinha sido salvo pelo amigo enquanto pescavam. Sendo esse um caso verdadeiro, seria um dos poucos conhecidos onde alguém teria sobrevivido para contar a história.

031_05

QUINTO CASO – POLONUS VORSTIUS
Esse agora é um caso muito antigo, de 1470, e foi publicado no Historiarum Anatomicarum Rariorum de 1641. É considerado o primeiro caso registrado de combustão humana espontânea. Polonus vivia na Itália e havia bebido altas doses de um vinho muito forte, de repente começou a vomitar fogo. As labaredas se espalharam e consumiram todo seu corpo. O incidente foi registrado pelo médico Thomas Bartholin, um aficionado por casos bizarros e extraordinários como esse.

031_06

Várias hipóteses foram sugeridas através dos tempos para tentar explicar a razão da combustão humana espontânea ocorrer. Pessoas assombradas pelo sobrenatural, e o alto consumo de álcool. Mas a ideia da bebida percebeu-se forçada demais, visto que a retenção corporal é muito baixa para que isso fosse considerado viável. Quanto ao sobrenatural, não havia nada onde se sustentar além da superstição. Até hoje não existe uma explicação definitiva da ciência sobre o que pode levar à isso. Uma das teorias mais fortes é a do efeito pavio, situação onde os trajes da vítima fica encharcado com a própria gordura corporal, funcionando como um pavio de vela. Porém existem muitos casos onde essa condição não se encaixa adequadamente. Esse é um dos mistérios que a ciência ainda não solucionou, e que até termos respostas irá continuar a nos assustar.

As imagens aqui expostas são meramente ilustrativas, e não necessariamente correspondem a retratação real dos casos.

Barra Divisória

assinatura_dan